A história de Erika

img_20170122_190641

141

167753_1689419449769_1666201647_1599003_1893607_n

Kalandraka no seu melhor.

A autora, Ruth Vander Zee, escreveu esta história depois de, por mero acaso, ter conhecido  Erika e esta lhe ter contado a sua história.

“Eu nasci em 1944. Não sei o dia. Não sei que nome me deram. Não sei em que cidade nem em que país vim ao mundo. Nem sequer se tive irmãos. O que sei é que quando tinha apenas uns meses fui salva do Holocausto…”
É a história comovente e chocante de uma sobrevivente do extermínio judeu na Alemanha nazi.
“No seu caminho para a morte, a minha mãe lançou-me para a vida.”
 
As ilustrações maravilhosas de Roberto Innocenti, são ao estilo hiper-realista, como só poderia ser numa história tão cheia de verdade. O valor simbólico da cor, está muito presente e contribui para tornar o livro ainda mais rico ao reforçar a profundidade do texto.
Quem me conhece já adivinhou que me emocionei e me desfiz em lágrimas ao ler a história de Erika.
Este livro é recomendado para crianças a partir dos 10 anos. Ainda é cedo, mas um dia vou fazer questão que os meus filhos o leiam. Espero que se emocionem e fiquem com um nó na garganta como eu fiquei. Espero  que se sintam gratos, muito gratos, por terem a vida boa que têm e se dêem conta do que de facto tem valor na vida.
É importante que os miúdos de hoje conheçam esta história. Só mantendo a história presente se pode impedir que a história se repita, não vos parece?
GRATA por ter este livro na minha vida.
Recomendo para adultos e crianças a partir dos 10 anos.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s