Três com Tango

 

tango portada:And Tango...Cover_TP.qxd

 

Este livro chegou a Portugal pela Kalandraka em 2016. Foi publicado originalmente nos Estados Unidos da América em 2005 e desde então tem sido muito premiado, mas também alvo de muitas tentativas de censura e muitas queixas por abordar questões relacionadas com a adopção por casais do mesmo sexo. 

É a história verdadeira de um invulgar casal de pinguins-de-barbicha, ao qual um tratador do Zoo do Central Park em Nova Iorque, ofereceu a oportunidade de ter um filho, colocando um ovo no seu ninho, depois de observar as suas tentativas frustradas de chocar uma pedra. Nasceu Tango, o primeiro pinguim fêmea a ter dois pais.

“Quando Silo ficava com sono, dormia. E quando Silo acabava de dormir e de chocar, ia nadar e Roy ficava a chocar. Dia após dia, Silo e Roy chocavam uma pedra. Mas não aconteceu nada.

Então, o senhor Gramzay teve uma ideia. Encontrou um ovo que precisava de quem tratasse dele e levou-o para o ninho de Roy e Silo.”
Quanto a mim, combina muito bem texto informativo com texto literário e conta uma história bonita e verdadeira sem fazer juízos de valor. Acho delicioso.

Sugiro para crianças maiores de 4 anos.

 

 

 

 

 

Anúncios